Destaques
A mulher assegura o emprego mais tempo que há 30 anos atrás
Na verdade, um estudo recente revelou que a mulher de hoje consegue assegurar o seu emprego durante mais tempo em comparação de há 30 anos atrás. A flexibilid . «Ler mais»

Trabalhar em openspace é uma fonte de distração
Um novo estudo revela que apenas 1 em cada 4 trabalhadores trabalha num ambiente de trabalho ideal. Ambientes de trabalho em openspace são cada vez mais popular . «Ler mais»

Redes Sociais
Publicidade
Artigos Populares
Mentalidade na terceira idade
Parte da nossa sociedade não vê razões em zelar pelos problemas existenciais dos indivíduos relativos a esta faixa etária, pois acreditam que não há nada que se . «Ler mais»

Golfinhos comunicam entre si pelo nome
É sabido, que os golfinhos possuem um sistema de comunicação bastante complexo e sofisticado. Um estudo feito recentemente, chegou á conclusão que os golfinhos . «Ler mais»

Dar é melhor que receber !

Efetivamente, um estudo feito, revela que dar é melhor do que receber. Esta pesquisa, constatou que a população tanto de paises desenvolvidos, como a de paises em desenvolvimento, manisfestam sentirem-se melhor em dar do que em receber.
Esta é uma simples constatação, todavia o sentimento positivo exposto depois de oferecer algo a outra pessoa, com mais necessidade, já é um bem adquirido que temos nos nossos genes.

O estudo sugere assim, que a recompensa psicologica vivida a partir de ajudar os outros, faz-nos sentir melhor. Para provar isto mesmo, a pesquisadora Lara Aknin, da Universidade Simon Fraser, Canada, e a sua equipa estudaram 234,917 pessoas de 126 paises. Este estudo feito, por meio de entrevistas, declarou na verdade, que os sentimentos experenciados após doar algo, são em grande parte um enorme sentimento de bem-estar e harmonia. Esta pesquisa afirma ainda, que estes resultados foram unânimes , entre individuos com diferentes niveis de renda e classe social.

Os pesquisadores, dizem ainda, que as pessoas estão mais propensas a experimentar os ganhos de bem-estar, pelo facto, de dar aos outros, ser um ato mais memorável do que, simplesmente gastar dinheiro em si mesmo. A maioria dos entrevistados, mais facilmente se recorda das vezes que comprou ou doou algo a alguém, do que dos momentos que passou a comprar algo para si.

Aknin disse, “De uma perspectiva evolutiva, os beneficios emocionais que as pessoas experimentam, quando ajudam os outros, revela um ato de coragem, um coportamento generoso e benefico a longo prazo, a sobrevivencia humana”.

Facebook
Blog | Chora agora | Sobre | Contato | Politica de Privacidade
Copyright © 2013 www.mundoaroundus.com