Destaques
A mulher assegura o emprego mais tempo que há 30 anos atrás
Na verdade, um estudo recente revelou que a mulher de hoje consegue assegurar o seu emprego durante mais tempo em comparação de há 30 anos atrás. A flexibilid . «Ler mais»

Trabalhar em openspace é uma fonte de distração
Um novo estudo revela que apenas 1 em cada 4 trabalhadores trabalha num ambiente de trabalho ideal. Ambientes de trabalho em openspace são cada vez mais popular . «Ler mais»

Redes Sociais
Publicidade
Artigos Populares
Não questionar poderá ser bom para o negócio?
Efetivamente, quando os funcionários estão de acordo sobre uma determinada decisão e não a questionam, a produtividade aumenta. Deste modo, por vezes a ignorânc . «Ler mais»

A mulher assegura o emprego mais tempo que há 30 anos atrás
Na verdade, um estudo recente revelou que a mulher de hoje consegue assegurar o seu emprego durante mais tempo em comparação de há 30 anos atrás. A flexibilid . «Ler mais»

O que é a ARPANET ?

Bem podemos dizer que Arpa foi a mãe da internet, desenvolvida pela empresa ARPA (Advanced Research and Projects Agency) em 1969, tinha o objectivo de conectar as bases militares e os departamentos de pesquisa do governamento americano. Esta rede teve o seu berço dentro do Pentágono e foi baptizada com o nome de ARPANET.

ARPANETA Arpanet foi totalmente financiada pelo governo Norte-Americano, que tinha como objectivo desenvolver uma rede de comunicação que não os deixassem vulneráveis, caso houvesse algum ataque ao Pentágono.

Usando um Backbone (esquema de ligações centrais de um sistema mais amplo, tipicamente de elevado débito relativamente à periferia), que passava por baixo da terra, ARPANET ligava os militares e pesquisadores sem ter um centro definido ou mesmo uma rota única para as informações, tornando-se quase indestrutível.

 

No fim da década de 70, universidades e outras instituições que faziam trabalhos envolvidos à defesa, tiveram permissão para se conectar à Arpanet, e em meados de 1975, existiam aproximadamente 100 sites. Pesquisadores que trabalhavam na Arpanet estudaram como o crescimento da rede alterou o modo como as pessoas a usavam.

No final dos anos 70, a ARPANET tinha crescido tanto, que o seu protocolo de computação de pacotes original, chamado de Network Control Protocol (NCP), tornou-se inadequado, foi então que a ARPANET começou a usar um novo protocolo chamado TCP/IP (Transfer Control Protocol / Internet Protocol).

 

Actualmente existem cerca de 400.000.000 computadores permanentemente conectados à Internet, além de muitos sistemas portáteis e de Desktops que ficam on-line por apenas alguns momentos.

Facebook
Blog | Chora agora | Sobre | Contato | Politica de Privacidade
Copyright © 2013 www.mundoaroundus.com